Compartilhando idéias para alcançar a liberdade financeira.

Posts marcados ‘Gráficos Excel’

Informação Visual – Uma Demanda da Era da Informação

Queridos amigos,

Através deste post inauguro uma nova categoria a ser abordada aqui no HC Investimentos: Visualização da Informação. Um tema pouquíssimo abordado no Brasil, porém, fundamental nesta Era da Informação. Espero que gostem. Aguardo seus comentários!

Introdução a Visualização da Informação

Você já parou para pensar sobre a forma como a informação nos é transmitida? Um texto, uma tabela, um gráfico…É sabido que textos grandes e sem muitas pausas – vírgulas, pontos, parágrafos – são cansativos e agregam pouquíssimo valor ao leitor. Entretanto, muitos provedores de informação “especializados” ainda insistem em utilizá-los. Já ocorreu de você desistir de um texto antes mesmo de começar a lê-lo apenas por apresentar grandes parágrafos e pela ausência de imagens?

Gráficos! A tendência da visualização da informação é utilizar cada vez mais elementos gráficos, que facilitem  o rápido entendimento do tema abordado. Os infográficos são ótimos exemplos de como resumir uma grande quantidade de dados em poucos elementos de informação. Veja exemplos do pioneiro New York Times no assunto: 2011 Oscar FavoritesRevoltas nos Países Árabes.

Gostaram? A informação não fica bem mais clara em nossas mentes ao invés de ler longos textos monótonos?

Visualização em Finanças

Nosso foco aqui no blog é abordar temas do mercado financeiro com a maior clareza possível. Deste modo, gostaria de trazer meus recentes estudos, tanto em data visualization como em Excel, para uma melhor elaboração de artigos, que serão, acima de tudo, fontes de valor para você leitor.

Aliás, vocês notaram alguma mudança nos gráficos utilizados nos últimos dois artigos? IGMI-C e Inflação Histórica

Uma Crítica ao Modelo Atual

Se você costuma ler bastante na internet, seja através de fóruns, blogs ou sites especializados em prover informação, já deve ter notado (salvo raras exceções) como a informação nos é transmitida de forma precária e, porque não dizer, de forma inutilizável. Quantas vezes você já leu um texto e no dia seguinte não se lembra de mais nada?

Este problema ocorre porque a informação não nos é transmitida de forma simples e clara, como sempre deveria ser.

Exemplo do Mau uso de Elementos Gráficos

Problemas na Visualização – Alocação de um ETF (Exchanged Traded Funds)

1. Sem a ajuda da tabela à esquerda eu nunca saberia qual classe de ativos detém a maior alocação. Afinal, a área em verde aparenta ser maior do que a área roxa, mas na realidade a roxa representa 21,45% enquanto a verde apenas 14,17%.

2. É impossível criar um ranking dos valores olhando apenas para o gráfico de pizza. É preciso ir e vir diversas vezes a tabela para verificar os valores. Resumo: Informação não está clara e bem apresentada.

Este é um problema comum no mercado financeiro. Muitos acreditam que a melhor forma para representar a alocação de seus ativos é através de um gráfico de pizza. Infelizmente, nossa mente não consegue distinguir bem valores em duas dimensões (2D).

Solução – Gráfico de Barras

Notem como a visualização da informação se torna bem mais fácil através de um simples gráfico de barras.

Notem como uma pequena mudança na forma com que a informação nos é transmitida mudou totalmente nossa compreensão sobre a alocação do fundo. Em poucos segundos você já pode distinguir a alocação entre diversas classes e, deste modo, entender melhor onde o fundo investe.

Fonte do Estudo e Mais Detalhes: Perceptual Edge

Um Caso de Estudo (Pessoal)

Se existe uma boa forma de criticar é realizando uma auto-crítica. Sabemos que sempre existe espaço para nos aperfeiçoarmos em alguma atividade e devemos estar correndo em busca deste avanço. Deste modo, trago abaixo uma informação (tabela + gráfico) que produzi para o balanço anual dos Fundos Imobiliários, através da Consultoria Fundo Imobiliário, do meu amigo Sérgio Belleza.

clique na imagem para ampliar

Embora não seja de fato ruim, considero que esta apresentação tem de melhorar bastante para apresentar efetivamente o seguinte tema: Evolução do Número de Negócios dos Fundos Imobiliários em 2010, destacando a evolução do 2º semestre em relação ao 1º.

Obejtivo: A ideia é apresentar de forma clara como o número de negócios aumentou nos fundos após a notícia de que os fundos negociados anteriormente em Balcão, através apenas dos leilões com horário pré-definido, poderiam ser negociados normalmente na Bovespa, com horário completo do pregão.

Falhas no Gráfico:

1. É difícil visualizar quais foram os fundos que tiveram maior avanço no número de negócios comparando o 2º semestre contra o 1º semestre.

2. A apresentação em barras do número total de negócios, divido entre o 1º semestre (parte cinza) e o 2º semestre (parte azul) agrega pouco valor a informação geral, já que é difícil comparar o número de um período com outro, função que a legenda ao lado já faz.

3. No gráfico que comparação a variação entre 2º e 1º semestre, notem como ambos os fundos Hotel Maxinvest (HTMX11B) e Presidente Vargas (PRSV11) tem a mesma largura da barra, porém, com valores diferentes, 556,29% para o primeiro e 462,56% para o segundo.

4. Não sei se vocês concordam, mas o gráfico não parece “pesado”, com muitas linhas, cores e com pouco espaço para respirar?

Como podemos melhorar a visualização desta informação?

Um Novo Modelo – Informação é Visual!

Buscando entender como apresentar melhor a informação, adicionei alguns de meus novos conhecimentos sobre visualização de dados e modifiquei completamente o gráfico.

clique na imagem para ampliar

Meus pontos positivos para o novo modelo:

1. Muito mais limpo (clean) – Com bastante espaço para respirar, a informação é apresentada com bastante branco e com poucas cores destacadas.

2. Gráfico de Linhas – Através da apresentação em linhas com dois pontos, você nota rapidamente o avanço (ou declínio) do 1º semestre em relação ao segundo. Quanto maior a distância entre os pontos, maior foi a evolução no período.

3. Maiores Variações – Destaquei uma área apenas para as 5 maiores variações. Interessante notar que 4 dos 5 fundos apresentados eram negociados em Balcão – Fundos cujo código termina com a letra “B”.

4. Números Totais – Ao lado das maiores variações é possível acompanhar a média de negócios em 3 segmentos: 1) Total – Média de todos os Fundos | 2) Bovespa – Média dos fundos negociados na Bovespa | 3) Balcão – Média dos fundos negociados previamente em Balcão.

5. Interatividade – Guardei o melhor para o final. Embora não seja possível perceber através da imagem, é possível selecionar cada fundo para mostrar informações únicas sobre ele. Este quadro dentro do gráfico trará o nome do fundo, seu código, uma imagem do imóvel que melhor o representa (não disponível para todos), os números do 1º e 2º semestre e a variação entre os períodos.

Você pode escolher o fundo que desejar. Basta apenas clicar em cima do fundo desejado na planilha que o quadro informativo irá se atualizar automaticamente. Uma formatação (coluna em azul) é alterada no gráfico para que você saiba exatamente qual ativo está analisando. Neste caso, selecionei o fundo com maior variação, o Hotel Maxinvest (HTMX11B).

Veja o exemplo abaixo selecionando o fundo Rio Bravo Renda Corporativa (FFCI11):

clique na imagem para ampliar

Download da Planilha

Gostou deste tipo de apresentação? Gostaria de utilizar os recursos desta planilha? Faça o download abaixo e mãos à obra!

Conclusão

Pequenas mudanças na forma de apresentar a informação fazem grande diferença na análise dos dados. Sabendo que a internet está sujeita a meios equivocados de apresentar de forma efetiva a informação, gostaria de contar com a sua ajuda para desenvolver um ambiente mais agradável para que possamos aproveitar ao máximo nosso maior tesouro: O Conhecimento!

Como ajudar? Conto com a colaboração de vocês!

1. Se encontrar algum gráfico que julgue ser importante, que contenha dados relevantes, porém, está mal apresentado ou

2. Um gráfico que, além de grande importância, esteja devidamente bem apresentado (é sempre bom ter ótimas referências de boas visualizações) ou

3. Tenha uma ótima ideia em mente mas não sabe como apresentá-la de modo correto.

Mande-me um e-mail

Envie suas sugestões de gráficos para henrique . ps . carvalho arroba gmail . com [ sem espaços e com “@” ] ou simplesmente use o formulário de contato para repassar um link. Ainda, as redes sociais como o Facebook e Twitter são bons meios de comunicação para esta finalidade. Conto com vocês!

Bônus. Que tal visualizar todas as palavras deste artigo de forma simples e clara? Clique aqui e veja o resultado!

Deixe seu Comentário. Para finalizar, gostaria de saber suas opiniões sobre o artigo.

%d blogueiros gostam disto: